quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Mais uma vez o portal será renovado.
Renovarei sem medo, a coragem de dizer que amo,
de dizer o que sinto!
de amar a família;
de amar os amigos;
de fazer novos amigos;
de ser eu mesma;
de chorar;
de rir sem parar;
de dar até mesmo gargalhadas;
de tentar descobrir novos hobbies;
de aperfeiçoar;
de ser mãe coruja;
de ser esposa; mulher, profissional ao mesmo tempo...
de ter fé, nas pessoas, no mundo...
de errar tentando acertar;
de tentar e de repente, acertar ué!!!!
de viver...
Que venha 2011!
Bjos!  Fui atravessar o portal!
D.Frick

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Como assim?
Acabou o ano...
Tic tac, tic tac...o relógio não para nunca...
A ansiedade insiste em deixar meu coração agitado...
Estou calada...insistindo nesse silêncio até que fique calma, enfim...
É que eu espero tanta coisa pro ano que vai nascer!
Mas antes dos desejos, tem o agradecimento...
Por ter superado tantas coisas;
Por ter realizado sonhos;
Por ter tido saúde;
Por não ter desistido de levantar milhões de vezes após milhares de "quedas";
Por ter tido proteção;
Por ter mantido a fé;
Pelos amigos que tenho e os que ganhei...
Enfim...valeu 2010...

Deixo um texto escrito por mim no Reveilon do ano de 2009/2010:

Quando ganhei minhas asas, descobri que podia continuar a sonhar.
Meus sonhos de menina cresceram e eu vi então que podia voar.
As vezes eu voo bem longe,
As vezes eu fico aqui perto.
O poder acreditar nos sonhos, faz meu coração renovar de certo...
Ainda é tempo para  eles. Eu acredito, eu posso.
Eu tenho asas, não posso parar.
Venha a luz,
Venham as flores,
Venha a beleza, carinho, amores.
Venham os anjos!
Nos toquem com o vento,
nos amem com vontade,
toquem o pensamento.

Que venha 2011. Que Deus nos abencoe durante os seus 365 dias. Amém.

D.Frick

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Quero acreditar.
Eu acredito na vontade que eu tenho de acreditar.
D. Frick

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Se eu disser pra você que estou feliz, completa, estarei mentindo.
As palavras surgem abruptamente e assim, também dissolvem no ar...
Tenho ímpetos de dizer tantas coisas e tantas vezes quase consigo,
Mas é cansada essa mente que tenta dizer chega! Só quero paz, quero abrigo...
Não tenho solução para os nossos problemas, não tenho fórmulas mágicas que façam disseminar a vontade...
...de ser bom, mesmo quando não se é tão bom assim...
... de superar, mesmo quando se tem preguiça diante de tantos obstáculos...
...de explicar todos os motivos que fundamentam o meu ser e minhas atitudes...
Até mesmo meus erros...
Só tenho o dia de hoje e os que o destino me reservou pela frente, para dizer que é sempre tempo de tentar.
Quando se ama...
Quando se cria laços eternos...
Quando se quer ser feliz.
D. Frick